Login

Esqueci minha senha

Últimos assuntos
» Blog Mentalismo
Dom Out 19, 2014 10:02 am por Marta Ribeiro

» Espiritos apegados a Materia e a Obsessão.
Sex Mar 07, 2014 6:48 pm por wilson Moreno

» A Ciência prova a existência de Deus: ADN – Deus e o Design Inteligente
Seg Nov 26, 2012 8:56 am por Lightness

» Conceito de Espiritismo
Seg Out 08, 2012 1:33 pm por Lightness

» Os 10 Mandamentos revelados a Moisés
Seg Out 08, 2012 1:21 pm por Lightness

» Ensinamentos Básicos do Budismo
Seg Out 08, 2012 6:47 am por Lightness

» As 7 Leis de Noé
Sab Out 06, 2012 1:55 pm por Lightness

» Livros para quem desejar conhecer o espiritismo
Sab Out 06, 2012 3:53 am por Lightness

» Richard Dawkins
Ter Jun 28, 2011 7:56 pm por Monstrinho

» Por que o Darwinismo é uma religião?
Ter Jun 28, 2011 6:58 pm por Monstrinho

» Joseph Campbell
Ter Jun 14, 2011 11:09 pm por Monstrinho

» Olá!! Eu sou o Monstrinho!
Ter Jun 14, 2011 10:57 pm por Monstrinho

» Conceito de Budismo
Ter Jun 14, 2011 10:50 pm por Monstrinho

» Conceito de Deus
Ter Jun 14, 2011 10:35 pm por Monstrinho

» Reflexões sopbre o espaço e o tempo
Dom Set 05, 2010 12:33 pm por Gerson Machado de Avillez

» apocalipse
Sex Set 03, 2010 8:30 pm por icemaster

» O SILÊNCIO
Sab Ago 14, 2010 3:59 pm por Joaquim Santos Albino

» Conceito de Imortalidade
Sex Jul 23, 2010 4:41 pm por Joaquim Santos Albino

» Mentes Brilhantes
Seg Jul 12, 2010 4:35 pm por Joaquim Santos Albino

» O Inferno
Ter Jul 06, 2010 5:59 pm por icemaster

Navegação
 Portal
 Índice
 Membros
 Perfil
 FAQ
 Buscar
Dezembro 2016
SegTerQuaQuiSexSabDom
   1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031 

Calendário Calendário

Buscar
 
 

Resultados por:
 


Rechercher Busca avançada

Quem está conectado
1 usuário online :: Nenhum usuário registrado, Nenhum Invisível e 1 Visitante

Nenhum

[ Ver toda a lista ]


O recorde de usuários online foi de 25 em Qui Jun 24, 2010 12:44 pm

E se os processos evolutivos na natureza dos seres vivos não forem determinantes mas sim determinados?

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

E se os processos evolutivos na natureza dos seres vivos não forem determinantes mas sim determinados?

Mensagem  Joaquim Santos Albino em Seg Jun 28, 2010 6:11 am

A Doutrina Espírita tendo como base a experimentação do exercício de uma faculdade da sensibilidade humana designada por mediunidade define espírito como princípio inteligente do universo, imortal e que evolui inevitável e irreversivelmente na direcção da perfeição.

O único ponto a ponderar neste texto prende-se acerca da forma como poderiam ser explicados os processos evolutivos na natureza partindo deste pressuposto, não estando em agenda nos seus propósitos a avaliação acerca do que é a mediunidade nem a legitimidade da afirmação de conhecimentos empíricos utilizando este recurso sensitivo que alguns afirmam possuir nem qualquer outro tipo de analise que dai poderia advir, aspectos que tenciono abordar em breve e que podem eventualmente ser tidos em consideração nos comentários que os leitores podem editar aqui em baixo a propósito das especulações que exponho.

Os processos evolutivos do cérebro humano são justificados através das teorias evolucionistas sugeridas por Darwin. Em determinada altura o corpo humano passou a deter características fisiológicas, como o andar bípede ou o polegar oponível e assim foram criadas condições que determinaram o desenvolvimento do cérebro. Não tendo as mãos de ser usadas para a locomoção ficam libertas para outro tipo de tarefas que incentivaram o desenvolver da acção criativa, o polegar sendo oponível possibilitou um manuseamento mais eficaz que possibilitou o desenvolver de ferramentas mais eficazes, etc.

A questão que aqui coloco é simples: utilizando exactamente os mesmos pressupostos evolutivos, qual foi o motivo que determinou que uma espécie de macaco decidisse-se embirrar e persistir em caminhar de pé e teimar em utilizar as mãos de forma mais competente? Não terá de existir uma vontade que induza este tipo de comportamento? E se assim é, porque motivo essa vontade se manifesta? Não será óbvio que estes processos evolutivos sejam uma consequência da evolução de um princípio inteligente? Mas como poderia um princípio inteligente evoluir de forma a ser o factor determinante na evolução da espécie humana? Será que devemos ponderar a hipótese de um mesmo princípio inteligente transportar de vida em vida um potencial de competência que será o responsável pela persistente vontade de andar só com os pés?

Joaquim Santos Albino

Mensagens : 89
Data de inscrição : 04/06/2010
Idade : 50

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum